Criatura | Foto: Danilo Apoena
Criatura | Foto: Danilo Apoena

Entra hoje em cartaz Criatura, Uma Autópsia, espetáculo da atriz e dramaturga Bruna Longo, resultado de uma extensa pesquisa acerca da vida e da obra da romancista inglesa Mary Shelley, autora de um dos maiores clássicos da literatura em língua inglesa, Frankenstein, ou O Prometeu Moderno.

No espetáculo, que cumpre temporada na Oficina Cultural Oswald de Andrade, longo entrelaça a história de vida de Shelley com a história contada pela autora em seu clássico literário. O espetáculo, que nasceu do desejo de Longo de recontar a história através da visão da criatura Frankenstein, não é, contudo, uma biografia da autora ou da criatura.

A atriz construiu uma dramaturgia friccionada alicerçada numa espécie de autópsia do romance e da personagem, investigando temas que assolaram a vida pessoal da autora e que eventualmente se refletiram no livro e na sociedade ocidental como um todo.

Criatura, Uma Autópsia cumpre curta temporada na Oficina Cultural Oswald de Andrade até o dia 30 de agosto, sempre as sextas e sábados, com sessões às 20h (sextas) e 18h (sábados). Os ingressos são gratuitos e distribuídos com uma hora de antecedência.