Osmo | Foto: Keiny Andrade
Osmo | Foto: Keiny Andrade

Peça em cartaz há cinco anos com sessões e temporadas esporádicas, Osmo, espetáculo baseado em conto da escritora paulista Hilda Hilst, narra a história de um serial killer com pretensões a ser um grande romancista.

Sem inspiração, é tomado por um gatilho assassino quando recebe a ligação de uma amiga o convidando para dançar. A partir de então, a personagem estabelece uma nova meta: sair para dançar com uma moça, dormir com ela e depois a matar.

Protagonizado por Donizeti Mazonas sob a direção de Suzan Damasceno, o espetáculo cumpre curta temporada dentro do Festival Arena Hilda Hilst, no Teatro de Arena Eugênio Kusnet, na zona central da capital.

Com reestreia agendada para dia 15, quinta-feira, Osmo cumpre curtíssima temporada de apenas duas semanas até o dia 22 de agosto, também quinta-feira às 21h. Os ingressos são distribuídos com uma hora de antecedência nos moldes da contribuição consciente.