Vidas Mediocres ou Almas Liricas | Foto: Divulgacao
Vidas Mediocres ou Almas Liricas | Foto: Divulgacao

Dramaturgo com uma das obras mais contundentes do teatro ocidental, o russo Anton Tchekhov tem parte de sua obra entremeada por clássicos do samba compostos e gravados entre as décadas de 1940 e 1950 por nomes como Cartola, Candeia, Nelson Cavaquinho, Paulinho da Viola e Manaceia da Portela em Vidas Medíocres ou Almas Líricas, peça da Companhia Alvorada.

O espetáculo cumpre nova temporada a partir do dia 04 de setembro, quarta-feira, no Espaço da Cia de Revista, no bairro de Campos Elíseos, zona central da capital. O elenco é formado por Tales Jaloretto, Rita Teles Vanise Carneiro e Flávio Gerab, além da participação do músico Aloysio Letra sob a direção de Leonardo Karasek.

Vidas Medíocres ou Almas Líricas fica em cartaz até o dia 26 de setembro, com sessões as quartas e quintas-feiras, sempre às 20h30. Os ingressos custam de R$ 20,00 (meia) a R$ 40,00 (inteira).