Doze Homens e uma Sentenca | Foto: Alexandre Tremanti
Doze Homens e uma Sentenca | Foto: Alexandre Tremanti

Um dos maiores sucessos produzidos pelo grupo Tapa na última década, o drama Doze Homens e uma Sentença reestreia no próximo dia 10 de outubro, quarta-feira, nove anos após sua primeira temporada.

Sob a direção de Eduardo Tolentino de Araújo, o texto de Reginald Rose, sob tradução de Ivo Barroso, cumprirá nova e curtíssima temporada no Teatro Aliança Francesa, de quinta-feira a domingo, até o dia 17 de novembro.

Com elenco formado por Adriano Bedin, Ariel Cannal, Augusto César, Brian Penido Ross, Bruno Barchesi, Carlos Meceni, Daniel Volpi, Fúlvio Filho, Genézio de Barros, Guilherme Sant’Anna, Norival Rizzo, Renato Caldas e Rodolfo Freitas, Doze Homens e uma Sentença tem como base o filme 12 Angry Men, de Siney Lumet, no qual doze homens são postos na sala de um júri em Nova York, e precisam decidir de forma unânime a sentença de um réu acusado de matar o próprio pai.

Caso um dos jurados tenha alguma dúvida, e não vote a favor da sentença, o réu não poderá ser condenado. 12 Angry Men é considerado um dos filmes sobre júri mais importantes e famosos de Hollywood.

Os ingressos para a temporada no Aliança Francesa custam de R$ 15,00 (meia) a R$ 30,00 (inteira), as quintas e sextas-feiras, e de R$ 30,00 (meia) a R$ 60,00 (inteira) aos sábados e domingos. As sessões acontecem às 20h30 (de quinta-feira a sábado) e às 19h (domingos).