Stabat Mater | Foto: Carola Monteiro
Stabat Mater | Foto: Carola Monteiro

Um dos grandes destaques da temporada do primeiro semestre, Stabat Mater, peça na qual a atriz Janaína Leite ergue pontes para discutir a relação conflituosa com sua mãe, Amália Fontes Leite, dentro de um documentário cênico friccionado, volta a entrar em cartaz em uma temporada relâmpago.

O espetáculo reestreia hoje, 04, e fica em cartaz até o dia 12 de setembro, no Teatro de Contêiner da Cia. Mungunzá, com sessões quartas e quintas-feiras, às 20h. Os ingressos custam de R$ 20,00 (meia) a R$ 40,00 (inteira).