Brian ou Brenda | Foto: Heloisa Bortz
Brian ou Brenda | Foto: Heloisa Bortz

Ainda em cartaz no Centro Cultural São Paulo, na Vergueiro, o espetáculo Brian ou Brenda já anunciou que, ao fim desta primeira temporada, emendará uma segunda imediatamente, dessa vez no Espaço Viga Cênico, no bairro do Sumaré, zona oeste da capital.

Inspirado no polêmico caso da vida de David Reimer, que teve seu órgão genital acidentalmente cauterizado e, por conselho de um psiquiatra com a tese de que bebês nascem neutros, foi criado por seus pais como uma menina após cirurgia de redesignação sexual.

Com texto assinado por Franz Keppler, sob a direção de Yara de Novaes e Carlos Gradim, o espetáculo fica em cartaz no CCSP até o dia 20 de outubro, e reestreia no dia 25 deste mesmo mês, com sessões de sxta-feira a domingo, às 21h (sextas e sábados) e às 19h (domingos). Os ingressos custarão de R$ 10,00 (meia) a R$ 20,00 (inteira). A temporada no Viga vai até 17 de novembro.