O Mistério de Irma Vap | Foto: Priscila Prade
O Mistério de Irma Vap | Foto: Priscila Prade

Um dos espetáculos mais festejados na temporada paulistana no primeiro semestre de 2019, a encenação de Jorge Farjalla para O Mistério de Irma Vap, clássico do besteirol escrito pelo dramaturgo norte americano Charles Ludlam, reestreia em São Paulo para curta temporada a partir de 06 de fevereiro, quinta-feira, no Teatro Procópio Ferreira, na Rua Augusta.

Protagonizado por Mateus Solano e Luís Miranda, o espetáculo colecionou indicações a prêmios do quilate do Shell (Melhor Ator para Luís Miranda, Melhor Luz, Melhor Figurino), Prêmio do Humor e Prêmio Aplauso, além de ter levado cinco categorias no Prêmio Bibi Ferreira.

O espetáculo foi encenado no Brasil originalmente em 1986, na clássica montagem dirigida por Marília Pêra e protagonizada por Marco Nanini e Ney Latorraca, que ficou onze anos ininterruptos em cartaz. Em 2008, a mesma Marília Pêra dirigiu a primeira remontagem do espetáculo, com Marcelo Médici e Cássio Scapin como protagonistas.

A versão de Farjalla fica em cartaz até o dia 01 de março, de quinta-feira a domingo, com sessões às 21h (quinta-feira a sábado) e às 19h (domingos). Os ingressos custam de R$ 35,00 (meia) a R$ 70,00 (inteira) e de R$ 75,00 (meia) a R$ 150,00 (inteira).