José Mayer | Foto: Divulgação
José Mayer | Foto: Divulgação

O centenário do poeta pernambucano João Cabral de Melo Neto (1920 – 1999) está movimentando não apenas o mercado literário, mas também o mercado das artes cênicas. O autor de Morte e Vida Severina (1955) pode ter sua vida e sua obra passadas a limpo num espetáculo ainda em fase embrionária.

Ainda sem data para estrear, o espetáculo deve ganhar os palcos do Rio de Janeiro no segundo semestre, e pode ser protagonizado por José Mayer, ator que já se envolveu com a obra de nomes como o maranhense Catulo da Paixão Cearense (1863-1946) e o norte americano Cole Porter (1891-1964). Quem viver…