Dan Rosseto | Foto: Divulgação
Dan Rosseto | Foto: Divulgação

Diretor, dramaturgo e ator, Dan Rosseto prepara, ao lado do produtor inseparável Fábio Câmara, a pré-produção de seu novo espetáculo, O Último Concerto para Vivaldi, drama sobre a eminência da morte na rotina de um casal. Em paralelo, o diretor também promove uma releitura de sua consagradora peça de estreia, Manual para Dias Chuvosos, que cumpre nova temporada na Giostri Livraria Teatro.

Agora, se firmando como um dos dramaturgos mais produtivos de sua geração, Rosseto põe um ponto final em Feliz Dia das Mães, novo texto e o primeiro no qual envereda pela comédia através de um encontro familiar. A história narra um almoço de família na casa de Dona Alma, uma octogenária sem papas na língua que reúne a família para anunciar a doação de seu corpo para ser estudado na faculdade de medicina.

“Um texto ácido e cruel, que diverte e faz pensar, com muitas surpresas e reflexões”, contextualiza o diretor, que prevê a estreia para 2020. Quem viver…